Busca de PublicaçõesBusca de Publicações

Valor nutritivo dos capins Quênia e Tamani sob diferentes intensidades de desfolhação.

Informe múltiplos e-mails separados por vírgula.

imagem

Autoria:TESK, C. R. M.;RAMOS, T. A.;SCHMIDT JÚNIOR, R. J.;ARAGÃO, L. S.;CARVALHO, P. de;PEREIRA, D. H.;PINA, D. dos S.;PEDREIRA, B. C. e

Resumo:PT-BR: Nos sistemas de produção de bovinos é necessário entender a relação planta x animal, adotando a estratégia de manejo correta para garantir a melhor utilização da forrageira. O objetivo com este trabalho foi avaliar o valor nutritivo dos capins Quênia e Tamani sob diferentes intensidades de desfolhação. O experimento foi realizado na Dragon Tiger Luck Agrossilvipastoril, Sinop ? MT, este seguiu delineamento experimental em blocos completos casualizados, em arranjo fatorial (2x2), com dois cultivares: Quênia e Tamani (Panicum maximum cvs. BRS Tamani e Quênia) e duas intensidades de pastejo: alta e baixa, definidas pela altura pós-pastejo de 15 e 25 cm para capim-tamani; e 20 cm e 35 cm para capim-quênia, com três repetições, totalizando 12 unidades experimentais (120m2 cada). A forragem analisada foi coletada no ciclo representativo da primavera de 2016. Houve efeito de interação cultivar x intensidade de desfolhação para os teores de proteína bruta (PB). O capim-quênia manejado em baixa intensidade apresentou menor teor de PB (6,08%), quando comparado ao capim-tamani manejado em baixa intensidade (8,48%). Os cultivares, independente da intensidade de desfolhação adotada apresentaram bom valor nutritivo. Dessa forma, quando bem manejados, ambos são genótipos promissores. | EN: In cattle production systems, it is necessary to understand the relationship between plant and animal, adopting the correct management strategy to ensure the best use of forage. The objective of this research was to uate the nutritive value of Quenia and Tamani guineagrass under different defoliation intensities. The experiment was conducted in a randomized complete block in a factorial arrangement (2x2), with two cultivars: Quenia and Tamani (Panicum maximum cvs BRS Tamani and Quenia) and two grazing intensities: high and low, which defined a post height 15 cm and 25 cm for Tamani guineagrass; and 20 cm and 35 cm for Quenia guineagrass, with three replicates, totaling 12 experimental units (120 m2 each). The forage analyzed was collected in the representative cycle of the spring of 2016. There was interaction effect of cultivar x intensity of defoliation for crude protein (CP) contents. Quenia guineagrass managed in low intensity showed lower CP content (6.08%) when compared to Tamani guineagrass managed at low intensity (8.48%). The cultivars, regardless of the intensity of defoliation adopted, presented good nutritive value. In this way, when well managed, both are promising genotypes.

Ano de publicação:2017

Tipo de publicação:Artigo em anais e proceedings

Conteúdo relacionado

Tecnologias Ver mais

Prática agropecuária: Prática para manejo do pastejo
imagem